sábado, 25 de dezembro de 2010

VOU SER AVÓ ESTOU AGUARDAR UMA JOANINHA

MINHA QUERIDA NETINHA !!!!!

Nem sabes o quanto estou feliz por ir receber-te neste Mundo.
Um sonho que eu ambiciono há tanto;  não gostaria de cerrar os
olhos sem ter a alegria de ver um neto / neta mas para mim o meu coração sentia que era uma neta.
O meu desejo era tão grande e tão ardente que quando a RUTE saíu do consultório dei um grito com a sua chamada.
Eram 23 h eu esperava nervosa e com muita ansiedade a notícia, finalmente a minha filha disse-me mãe saímos agora do médico só agora ? retorqui eu.
Já podes pagar um bolo aos teus colegas. Fiquei louca de alegria como podem calcular.
Claro que se fosse um neto era bem recebido também com amor o que é  preciso é que ambos viessem bem e com saúde e perfeitos,  mas só o AMOR que dei à RUTE da maneira como sabia e soube,  eu própria gostaria que ela fosse mãe duma rapariga pois seria uma maneira de saber o que é sofrer por um filho, quando se é uma verdadeira mãe.
Sei que ela é uma criança muito desejada pela minha filha,  pois ela também tem sido uma GRANDE MULHER, boa filha sempre presente quando necessito dela, embora não tanto como gostaria mas o suficiente que ela pode e acha que deve oferecer,  à  sua mãe que sofreu nuito na VIDA.
Obrigada meu DEUS pela dádiva que me vais oferecer,  espero saber acolher nos meus braços uma criança tão desejada e que seja tão amada como amei a sua  mãe a RUTE.
É com lágrimas nos olhos que te quero agradecer a ti e ao pai,  a criança linda que vai ser a Joana, os pais são lindos de olhos verdes grandes tanto pai como mãe e louros,  a avó também tem olhos verdes e loura da minha parte meu irmão e filha linda também loura de olhos azuis.
Vamos aguardar por esse GRANDE MOMENTO !!!!
A Rute por enquanto anda muito nervosa anda ansiosa o que é normal, mas eu por incrível que pareça foi o melhor estado porque passei tanto de humor como de estabilidade durante a minha vida.
Nem todo o ser humano é igual
Obrigada RUTE e Obrigada Leo
OBRIGADA MINHA FILHA
Com o carinho habitual da tua mãe recebe um BEIJO

sábado, 24 de julho de 2010

RECORDAÇÕES DE UMA INFÃNCIA INFELIZ !!!!!!


O seu nome era ''Maria''
Tinha 8 anos
Os olhos sempre inchados,
De tanto chorar e sofrer ...

Ela seria estúpida,
Ela devia ser má,
O que mais poderia ser?
Por seu pai ficar em tal estado?

Ela gostaria de ser melhor,
Gostaria de ser menos feia.
Talvez sua mãe pudesse aliviar seu sofrimento
Devia, dar-lhe mimos, mas não!! Ela tinha medo

Ela não podia falar,
Ela não podia fazer asneiras,
Ela não podia brincar,
Senão era castigada o dia todo, 2 ou 3 ou mais...

Quando acordava sentia-se só,
A casa estava escura, tinha medo!
Os seus pais não estavam lá....
Que fazer em tal escuridão ?

Quando sua mãe chegava,
Ela tentava ser meiga mas não podia,
Ela não queria e ela tinha medo muito medo
E a noite tornava-se num sobressalto

Não faças barulho! dizia sua mãe
Acabava de ouvir o pai chegar ,
O seu pai voltava do cinema,
Só tinha más palavras para dizer

Ele chamava-a.
Ela cerrava os braços, cruzava-os
Tentava esconder-se dos seus olhos loucos
Tinha ainda mais medo, assustava-se ...

Começava a chorar.
Ela encontrava-se a chorar,
Ele atirava-lhe com palavras más, duras
Ele dizia que não podia com elas as duas

Ele esbofeteava e batia-lhe,
E gritava com a Maria ainda mais,
Ela libertava-se e corria até à porta
Mas ela estava fechada !!!!.

A porta estava trancrada não podia fugir,
Ela encolhia-se toda parecia uma bola,
Ele agarrava nela e lançava-se desesperado.
Ela caía no chão quase sem sentidos, aterrorizada

O dia terminava sempre com más palavras...
Ela chorava muito!', ela gritava , de nada valia
Era tarde demais para evitar o ódio do seu rosto
O seu rosto tornava-se num ódio inimaginável.

O mal e as feridas marcavam,
'Meu Deus por favor, tem piedade de mim!
Faz com que isto acabe!' Solta-me,
Deixai-me fugir, eu quero fugir

E finalmente ele parava, ía para a porta,
Enquanto ela ficava deitada,
Imóvel no chão. !!!!!!!

Quem seria a Maria ?

ALERTA !!!
DÊEM MUITO CARINHO E MUITO AMOR A TODAS AS CRIANÇAS PARA NÂO SOFREREM COMO A MARIA!!!

domingo, 9 de maio de 2010

POEMA Á MÃE QUE NÃO TIVE !!!!!

No mais fundo de ti
Será que fui má para ti
Será que te traí, Mãe ?

Tudo porque tu ignoraste que havia vazios onde o frio
não se demora e noites pesarosas de sonhos
não sáiam da mente.

Por isso, às vezes, as palavras que te diria
Seriam duras mãe ?
E o nosso amor era infeliz!!!! (O meu)

Tudo porque perdi as rosas brancas
que apertava junto ao coração no
retrato da tua moldura e tu não ligavas Mãe!!!!

Se soubesses como ainda amo
essa rosas brancas !!!
Talvez não enchesses as minhas noites
de tantos pesadelos.

Mas tu esqueceste muita coisa;
esqueceste que as minhas pernas cresceram.
Que todo o meu corpo cresceu,
e até o meu coração ficou enorme, MÃE

Olha Mãe suplico-te que me ouças
Quantas vezes queria adormecer nos teus
braços para apanhar o teu calor mas tu Mãe
que importância davas ....

É verdade mãe, este meu corpo cresceu
mas ainda consigo sentir como era a tua voz mãe
Tantas vezes te pedia quando adormecia
com medo do escuro que me contasses uma história

SEMPRE TE AMEI MINHA MÃE
E O TEU SENTIR POR MIM QUAL ERA ?
SINTO MUITO ESSE VAZIO ....

Maria Fernanda
Publicado dia da MÃE 2 de Maio

sexta-feira, 7 de maio de 2010

segunda-feira, 19 de abril de 2010

domingo, 18 de abril de 2010

O SEGREDO DA FELICIDADE

O segredo da felicidade não esta em
fazer aquilo de que gostamos,
mas em gostar do que fazemos.

Tanta gente corre por ai a procura da felicidade, como um homem distraído á procura do chapéu,
quando o tem na mão ou na cabeça.

Ninguem pode desenvolver-se
plenamente neste mundo e
ter uma vida preenchida
sem se sentir compreendido,
ao menos, por uma pessoa ............... VOCÊ
                                              
  
Maria Fernanda

Nada é por acaso